• Bana recordado no B.leza

    Bana recordado no B.leza

    14 Mar 2014

    O espaço B.leza, em Lisboa, encheu-se de gala e glamour para homenagear o rei das mornas e coladeiras, Bana, que completaria mais um ano de vida no dia 11 de Março.

  • Bana repousa a partir de agora no n.º 1 da rua 38 do cemitério de São Vicente

    Bana repousa a partir de agora no n.º 1 da rua 38 do cemitério de São Vicente

    31 Jul 2013

    As cinzas do cantor Bana, falecido a 12 deste mês em Lisboa, vítima de doença prolongada, repousam a partir da tarde hoje no n.º 1 da Rua 38 do Cemitério do Mindelo, na ilha cabo-verdiana de São Vicente.

  • Honras fúnebres ao cantor acontecem no Mindelo

    Honras fúnebres ao cantor acontecem no Mindelo

    25 Jul 2013

    As honras fúnebres ao Bana (Adriano Gonçalves) acontecem hoje a partir da 15:00, no Palácio do Povo, no Mindelo, cidade natal do cantor falecido a 12 de Julho, em Lisboa, vítima de doença prolongada.

  • Cinzas do "Rei da Morna" chegaram à ilha natal

    Cinzas do "Rei da Morna" chegaram à ilha natal

    23 Jul 2013

    As cinzas de Bana, falecido a 12 deste mês em Lisboa, chegaram hoje ao Mindelo, terra natal de Adriano Gonçalves, onde será prestada, na quinta-feira, uma cerimónia fúnebre com honras de Estado.

  • Lisboa despediu-se de Bana

    Lisboa despediu-se de Bana

    15 Jul 2013

    O funeral do músico cabo-verdiano Bana realizou-se esta segunda-feira, 15, em Lisboa, Portugal. A igreja esteve cheia com a presença de familiares do cantor, amigos e algumas figuras públicas, entre elas o Presidente da República, Jorge Carlos de Almeida Fonseca, o ministro da Cultura, Mário Lúcio, o secretário de estado da cultura de Portugal, Jorge Barreto Xavier, e a embaixadora de Cabo Verde em Portugal Madalena Neves.

  • " Uma perda irreparável para a música e para o país" - Leonel Almeida

    " Uma perda irreparável para a música e para o país" - Leonel Almeida

    14 Jul 2013

    Para o cantor Leonel Almeida a morte de Bana é " Uma perda irreparável para a música e para o país, sem dúvida. Bana foi para mim um tutor, um verdadeiro amigo, que desde o primeiro momento quis ajudar na minha formação académica. Os caminhos seguiram outros rumos e aprendi muito com ele. Se hoje sou cantor, muito lhe devo".

  • Governo decreta dois dias de luto nacional

    Governo decreta dois dias de luto nacional

    13 Jul 2013

    O Governo de Cabo Verde decretou hoje dois dias de luto nacional pela morte, sexta-feira à noite, em Lisboa, do cantor cabo-verdiano Bana, vítima de doença prolongada.